Luísa Sonza é acusada de cometer racismo e enfrenta um novo processo

A vida da cantora Luísa Sonza está uma verdadeira bagunça!

A cantora está sendo processada por ter supostamente cometido algum ato racista contra uma advogada quando foi para um festival gastronômico em Fernando de Noronha.

Esse caso ocorreu em setembro do ano de 2017, em uma pousada chamada Zé Maria e também foi citado em um processo feito em 2019.


Esses documentos são muito importantes e serão avaliados, vale dizer que a dona deles é Isabel Macedo e ela conta que foi confundida pela cantora como se fosse uma funcionária local, no momento em que ela estava assistindo o show de Luísa.

A Isabel precisou desativar os seus perfis depois que teve a divulgação do caso, e está exigindo que Luísa e a pousada pague uma indenização por danos morais.

A artista, Luisa Souza nega todas as acusações.
Luísa usou o seu perfil do Twitter para falar sobre o assunto:

A cantora não se cala e diz que ela não tomou nenhuma atitude parecida contra essa moça e afirmou que a sua equipe está atualmente, cuidando desse caso.

O portal R7 foi a procura da assessoria de Luísa, que acabou enviando uma nota falando sobre o caso.

Na nota fala que a cantora e seu advogado José Estevam Macedo Lima, afirmou que estão ciente desse caso. Revelaram que a loira não foi citada no documento e afirmaram que as acusações que foram feitas são falsas, foi citado também que a pessoa que fez essas acusações seria uma oportunista que está querendo crescer em cima da cantora.

O caso vai ser estudado, para que ninguém saia prejudicado, vale dizer que a Luísa Sonza está vivendo um momento muito complicado em sua vida e acabou tendo mais um problema e mais uma polêmica em que seu nome é citado.

A pousada que foi mencionada, também foi procurada pelo portal, entretanto não enviaram nenhuma nota de retorno.



PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.