Caso Lara: Revelado causa da morte da menina que saiu de casa para comprar refrigerante e não voltou

O caso da pequena Lara Maria Oliveira Nascimento, de 12 anos,gerou grande comoção e levou lágrimas aos olhos de milhares de brasileiros. Ela é a jovem que saiu de casa para comprar refrigerante na hora do almoço e nunca mais foi vista com vida depois disso. Ela teve seu corpo encontrado dias depois em uma região da mata coberta com a grama.

A pequena que morava na cidade de Campo Limpo Paulista, na região da Grande São Paulo, fez o mesmo caminho que fazia todos os dias, porém uma certa tarde ela não voltou e seus pais ficaram alarmados. Os pais da jovem viram que ela não voltava para casa e logo entraram em contato com as autoridades.
Depois de 3 dias, ela teve o corpo encontrado, a polícia revelou que ela estava coberta de cal e tinha marcas de violências, conforme apontou o delegado Rafael Diorio.

Segundo o que havia sido revelado de antemão a jovem sofreu traumatismo craniano. A cabeça da menina estava machucada e ela foi levada para o IML, depois de 1 dia, o corpo de Lara Maria Oliveira Nascimento foi velado e sepultado sob forte comoção e a família teve que ser amparada. A Polícia Civil de São Paulo investiga a morte da jovem que segue até o momento sem culpa aparente.


Os pais dela já foram ouvidos e segundo eles, a família não tinha problemas com vizinhos e a pequena Lara Maria Oliveira Nascimento era querida por todos da região. Agora foi revelado que outras pessoas próximas à criança também serão ouvidas. O delegado contou que a jovem levou inúmeros pancadas na cabeça e morreu no local.

Familiares, amigos e vizinhos de Lara estão muito abalados com a crueldade com que a menina de 12 anos foi morta. Buscas estão sendo realizadas na região em busca de pistas e gravações que possam ajudar a polícia.



PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.