Comerciante reage a ASSALTO e descore que matou seu próprio IRMÃO; Vídeo te deixará chocado

Uma tragédia vem chamando a atenção dos internautas nas redes sociais. Tudo aconteceu após uma loja de autopeças de uma família ser invadida por um assaltante, que havia pulado e muro e quebrado a porta com o intuito de entrar no escritório. Após o dono do estabelecimento ouvir o barulho, tomou a decisão de checar o que estava acontecendo, certamente, pensando em um assalto após avistar o criminoso. O homem, então, não pensou duas vezes, atirando contra o rapaz.

Após, ele se aproximou, percebendo que havia acabado de matar seu próprio irmão. Através das câmeras de segurança do local, é possível ver o momento exato em que tudo aconteceu.

+  Urgente! Polícia encontra corpo de jovem que estava desaparecida e detalhe chama atenção

O homicídio aconteceu no município de Goiânia (GO). As imagens que foram recuperadas pela câmera de monitoramento, instaladas no estabelecimento, mostram o suspeito do assalto, Fábio Dias da Silva, de apenas 33 anos de idade, invadindo a loja e quebrando uma porta de vidro.


O dono, que é irmão da vítima e possui uma arma de fogo, percebeu a ação criminoso, reagindo durante a ocasião e atirando contra o assaltante sem, nem mesmo, olhar para a cara de quem estava praticando o ato. O tiro foi certeiro, com a vítima falecendo no local, de acordo com as informações concedidas pelo Corpo de Bombeiros.

+  Urgente! Instituto Adolfo Lutz confirma dois casos da Ômicron no Brasil; população entra em pânico

O empresário, proprietário do comércio, possui o registro e a posse legal da arma de fogo. Há algum tempo, o homem dorme no local com o objetivo de evitar possíveis furtos, visto o número de ações ilegais no local. O empresário, naquele momento, não imaginava que o próximo assaltante seria seu próprio irmão.

No momento que atirou contra o suspeito, matando o homem, ele decidiu se aproximar, ficando em choque ao perceber que havia ceifado a vida de seu irmão por parte de pai. O invasor havia cumprido pena de prisão por receptação, estando em liberdade condicional desde o mês de maio de 2020.

+  Homem vira alvo de críticas por assumir bebê da namorada e rebate: “Sabia que ela estava carregando um pacotinho”



PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.