Homem tira a vida da esposa, em seguida liga para o irmão e detalhes chocam: “Acho que fiz merda”

 Preso por ter tirado a vida da esposa de forma cruel na quadra 9E, do Arapoanga, Silvestre Pereira de Araújo de 44 anos, teve sua história viralizada nas redes sociais e assustou a população local e os internautas. O homem que foi detido pelas autoridades locais, teria entrado em contato com o irmão pouco depois do crime.

Segundo informações ele ligou para o irmão e confessou ter cometido o crime. Silvestre Pereira matou a companheira, Joana Santana Pereira dos Santos, depois que eles tiveram um desentendimento por conta de uma dívida com um agiota. O homem teria ido atrás de seu dinheiro e Silvestre não gostou nada disso.

Silvestre ligou para a cunhada e tentou falar com seu irmão, durante o bate papo ele acabou confessando que tirou a vida da esposa e que estava devendo dinheiro para um agiota. Ele falou que teria “feito uma merda muito grande” e depois pediu que irmão fosse buscar seus sobrinhos.


De acordo com o irmão do acusado, além de tirar a vida da esposa ele ainda tentou tirar a própria vida. Silvestre afirmou que a dívida era alta e que o agiota prometeu matar ele, mas ele não contou o porquê de tirar a vida da mulher. Quem entrou em contato com as autoridades foram os próprios familiares de Silvestre Pereira de Araújo.

O caso gerou grande comoção e rendeu o que falar, o homem que tirou a vida da mulher foi amplamente detonado na região onde mora. Assim que a polícia chegou ao local, as crianças estavam dormindo e foram levadas para a casa da tia. Joana e Silvestre estavam caídos no chão quando as autoridades o encontraram.

Ela estava com sinais de enforcamento enquanto o acusado apresentava cortes no pescoço e ao seu lado tinha uma faca que foi usada para cometer o suicidio. A polícia chegou a tempo e o homem foi levado para o hospital.
 



PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.