nossas redes sociais

Notícias

Jovem prodígio que previu a Covid-19, comenta sobre o final da pandemia e de outra ameaça ainda maior para o mundo todo


Desde que apareceu o novo vírus do covid-19 no final de 2019 na China, que o planeta todo se questiona quando estaremos livres deste terrível mal. Médicos, especialista e cientistas de todo o globo tentam achar uma cura contra o coronavírus que já infectou milhões de pessoas e gerou incontáveis mortos em todo o planeta terra sem distinguir idade ou gênero.


Um jovem de 14 anos, chamado de Abhigya Anand, vem ganhando fama nas redes sociais desde que uma gravação com suas previsões se tornaram virais em todo o globo. O garoto que nasceu na Índia divulgou a gravação em agosto de 2019 onde afirmava que entre os meses de novembro de 2019 e abril de 2020, os humanos estariam sob grave perigo.

O jovem prodígio chegou a se matricular com 10 anos de idade em aulas de astrologia, aos 7 anos ele já estudava os sânscritos dos templos sagrados dos indianos. A previsão inicial do jovem demonstrou estar certa em relação à pandemia do coronavírus, porém ele também falou que no dia 29 de maio o número dos casos da doença iria cair drasticamente e sua previsão afirmava que até o dia 5 setembro a doença seria erradicar totalmente, fato que não ocorreu.

Entretanto, Anand chegou a fazer outro alerta perturbador, o garoto revelou que por volta do dia 20 de dezembro, outro surto aconteceria e seria extremo, gerando uma desgraça ainda maior e que iria permanecer até março de 2021. Segundo o jovem prodígio, neste dia os planetas Saturno e Júpiter vão estar em perfeito alinhamento, e os efeitos deste alinhamento gerariam muitas doenças, mortes e destruição entre os povos. “Não restará nenhum ser humano vivo se as pessoas não agirem”, alertou o jovem vidente.

Vale lembrar que mesmo tendo acertado em relação à doença, o fim dela que foi previsto não ocorreu, entretanto o mundo começou a sofrer com uma nova onda do covid-19, e isso pode ser um sinal do que está previsto para o dia 20 deste mês.

clique para comentar

ESCREVA SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *