Mãe de Marília Mendonça abre o quarto da filha e o que ela mostra no celular da cantora deixa todos com lágrimas nos olhos; “Hora do acidente”

O jornalista Leo Dias foi até a casa da saudosa cantora Marília Mendonça, em Goiânia, para conversar com dona Ruth, mãe da famosa sertaneja que já não está mais entre nós. Em uma conversa revelado, o colunista não conteve as lágrimas e chorou copiosamente em 
 certo momento do passeio.

Em uma entrevista exclusiva e muito emocionante, a mãe de Marília Mendonça abriu o coração e falou como foi o último momento com a filha antes de toda a tragédia. Rapidamente a entrevista se tornou viral e comoveu milhões de internautas que ficaram em pranto com tudo o que ela mostrou e falou.

Vale lembrar que a musa perdeu a vida em um acidente fatal de avião. Ruth falou como está sendo lidar com tudo e como o seu neto, está enfrentando a vida sem a mãe ao seu lado. Leo, que fica entre a casa da avó e do pai, recebeu a notícia em seu aniversário conforme havia sido contado antes.


A veterana chegou a abrir o quarto da filha e mostrou tudo, Ruth mostrou ainda o último livro que Marília estava lendo antes de falecer e o ponto mais emocionante da entrevista, foi quando ela mostrou o celular da filha. Leo Dias não se conteve e chorou copiosamente ao ver a última mensagem de Marília Mendonça e ficou chocado ao ver o horário em que ela entrou em contato com a mãe.

Para quem não sabe, esta foi a primeira vez que dona Ruth abriu a casa e deu entrevista após a morte de sua filha, muito emocionada ela contou que ainda é difícil entrar no quarto de Marília Mendonça e agitou as redes sociais. A entrevista virou um dos temas mais comentados no Twitter, onde muitos se mostraram surpresos.

A Rainha da Sofrência segue sendo lembrada por todos e continua com uma legião de seguidores. Dona Ruth comoveu o entrevistador, ao contar que gostaria de vender tudo o que estava ali, apenas para ter sua filha de volta.  “Se eu pudesse pegar tudo isso e comprar minha filha de volta, eu faria. Daria minha vida. Ela era nova. Deus, se eu pudesse fazer isso, eu vou, e ela fica.”



PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.