Tragédia! Ataque com míssil atinge escola na Ucrânia, haviam pessoas dentro e imagens chocam; “Corpos caídos”

A guerra entre a Rússia e a Ucrânia, segue colocando medo em todo o mundo e continua assustando a todos com os horrores que vem acontecendo durante o conflito. O embate que ceifou milhares de vidas, virou um dos assuntos mais comentados da internet e do mundo, já que todos temem que algo pior possa acontecer, caso o embate não seja resolvido e algum país entre no meio da confusão.

Diversos vídeos e imagens das cidades ucranianas, seguem sendo divulgados nas redes sociais e continuam chocando milhares de pessoas ao redor do planeta. Depois que foi revelado que choveu fogo em diversas cidades ucranianas, um novo vídeo mostrou que uma escola acabou sendo bombardeada.

Segundo informações, um ataque com míssil matou ao menos 21 pessoas e feriu outras 25 na cidade de Merefa, que fica situada no leste da Ucrânia. As imagens deixaram milhões de pessoas aterrorizadas que voltaram a  disparar contra o governo russo, pela brutalidade dos ataques. 
 O governo da Ucrânia chegou a repudiar os ataques e atacou o Putin.


O presidente que gerou revolta em todo o planeta, entretanto mostrou que não teme ser cancelado e demonstrou que possui sangue frio na hora de tomar decisões pesadas. Putin, esta semana voltou a alfinetar os EUA e declarou que eles andam fabricando armas biológicas na Ucrânia.

A notícia caiu como uma bomba em todo o mundo e chocou, logo depois de ter um vídeo repercutido, os ataques às cidades ucranianas seguiram a todo vapor, segundo informações as tropas russas não param de avançar.

O conflito acaba de entrar no vigésimo segundo dia, o número de mortos não param de subir e até o momento nenhum dos dois lados, chegou a mostrar sinais de desistência.A Rússia perdeu sete mil soldados no front de batalha enquanto outros 14 mil militares ficaram feridos . A Ucrânia teve baixas militares e civis para a tristeza de todos.



PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.