nossas redes sociais

Política

Bolsonaro bloqueia José de Abreu no Twitter e motivo surpreende a todos


O atual presidente da República, Jair Messias Bolsonaro (sem partido), continuou com a guerra pessoal com os opositores de seu governo, bloqueando o ator José de Abreu em sua conta oficial de Twitter. De acordo com o contratado de Rede Globo, a atitude do presidente ocorreu após uma brincadeira envolvendo o democrata Joe Biden, que foi eleito como presidente dos Estados Unidos.


Com as diversas mensagens internacionais parabenizando o vencedor da eleição dos Estados Unidos, José de Abreu aproveitou o momento para também parabenizar o político pela vitória contra Donald Trump nas redes sociais.

“Parabéns presidente, Joe Biden, do verdadeiro presidente brasileiro José de Abreu!”, disse o ator, em uma mensagem publicada em inglês. O deboche de José, como era de se esperar, rapidamente gerou uma enorme repercussão, possuindo mais de 20 mil interações.

Após parabenizar o novo presidente dos EUA, José de Abreu, então, recebeu a resposta de um perfil falso de Joe Biden. “Obrigado, Sr. Presidente José de Abreu. Espero que tenhamos uma nova e boa relação com o Brasil”, proferiu, na ocasião.

Zé, por sua vez, decidiu entrar no brincadeira: "Nós também esperamos. Já mandei meu número do Whatsapp para o seu assistente Juan Gonzalez. Saudações!”, disse o brasileiro.

Durante a manhã desta terça-feira (10), José de Abreu, mais uma vez, surpreendeu os internautas com uma revelação pra lá de polêmica. O ator, para sua surpresa, foi bloqueado por Jair Bolsonaro. “Gente! O presidente da República, o mentecapto capitão cloroquina, acaba de me bloquear! Deve ter acreditado na resposta do Joe ‘Binden'”, disse.

Na rede social, internautas se mostraram surpresos com o fato do Chefe do Executivo ter bloqueado Abreu apenas recentemente. Como é de conhecimento de muitos, Bolsonaro e o ator possuem um histórico de troca de farpas na web.

Durante esta terça-feira (10), Zé foi até as redes sociais para responder a fala de Bolsonaro, que afirmou que o Brasil “tem que deixar de ser um país de maricas”.

“Mil vezes um país de maricas que um país de milicianos”, rebateu o famoso.

clique para comentar

ESCREVA SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *