Morador de rua agredido por personal se diz arrependido e pede perdão por tudo: “Não sei onde estava com a cabeça”

Um dos casos mais chocantes de todo o Brasil, chegou a virar piada nas redes sociais e agitou os internautas de plantão, o sem teto que foi espancado pelo personal Eduardo ao ser pego no flagra com a mulher do rapaz, acabou se tornando uma celebridade da internet e sua história acabou se tornando viral.

Em entrevista, Givaldo Alves de Souza, chegou a falar mais uma vez sobre o caso inusitado e pegou todos de surpresa. Ele que teve uma entrevista viralizada onde ele falou como tudo aconteceu com Sandra, falou novamente e assustou ao pedir perdão por tudo. 
 
O sem teto pediu desculpas por seus atos e comoveu a web. “Gostaria de pedir desculpas primeiramente a ela, às meninas da minha família, a minha mãe e todas vocês [mulheres]”, destacou o morador de rua que logo em seguida chorou copiosamente ao falar sobre sua filha.

“Essa infelicidade que eu tive ao descrever a situação sem mudar nada, é uma coisa muito feia”, declarou Givaldo Alves de Souza ao vivo no YouTube.  “Não sou o tipo de homem de abrir fatos íntimos para ninguém, nem para amigos. Fui infeliz ao relatar um fato que eu poderia ter ponderado, não soube conciliar as coisas do jeito correto”.


A fala do 'famoso' teve grande destaque entre os internautas e rendeu o que falar, Givaldo Alves de Souza pediu perdão pois ele não queria falar tanto quanto ele falou e acabou pensando em como a entrevista repercutiu em sua filha de 28 anos.

“O que me chama muita atenção é o espetáculo que [essa história] se transformou, que é uma situação triste de uma mulher que está tendo sua vida e sua intimidade exposta em uma sociedade que ainda é socialmente e culturalmente machista, em que o suposto agressor – ainda acho que vai haver investigações – é alçado ao herói do ano, e ela tem a intimidade completamente violada e achincalhada”, ressaltou o sem teto que ficou famoso a noite para o dia.



PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.