Passando por necessidades, o Beiçola, de ‘A Grande Família’ pede ajuda nas redes sociais: “Situação complicada”

Um dos grandes nomes da dramaturgia nacional, voltou a ter o nome viralizado nas redes sociais esta semana, o ator Marcos Oliveira, que ficou como Beiçola do seriado ‘A Grande Família’, usou as redes sociais para abrir seu coração e pedir ajuda aos seus seguidores. O veterano contou que está passando por problemas e por isso precisa de ajuda.

Marcos Oliveira está com problemas de saúde e buscou ajuda de todos para arcar com as despesas de sua operação. Beiçola pediu socorro e o caso rapidamente se tornou viral. O artista chegou a compartilhar um texto no Facebook, e falou sobre a necessidade de passar por um procedimento cirúrgico.

“Gente, precisei fazer esta vakinha virtual pois terei que me operar para corrigir uma fístula que tenho há anos”, pontuou o famoso para a surpresa de todos. Marcos Oliveira se mostrou abalado com sua situação e não escondeu nada dos fãs.


 “A cirurgia ainda não tem previsão de acontecer; aguardo o SISREG do RJ liberar. Enquanto isso, uso uma bolsa de colostomia, uma sonda urinária que além do incômodo, não permite que eu trabalhe ou faço muitos movimentos”, finalizou o ator aclamado. Marcos afirmou que pretende voltar ao trabalho depois da operação.

Porém ele contou que antes disso, terá que ficar de repouso e por isso ele precisa de ajuda para poder se manter no dia a dia. “Quero e preciso trabalhar, mas até conseguir voltar e conseguir novos trabalhos, terei que custear toda minha vida, pagar minhas contas e tudo isso sem ter qualquer renda". A fala do veterano gerou grande comoção e pegou todos de surpresa.

Ele aproveitou para abrir o coração e contou que não se sente bem, pedindo dinheiro para outras pessoas, porém dessa vez ele não teve a quem recorrer.  “Não gostaria de chegar a este ponto, tenho muitos amigos que ainda me ajudam, mas a situação do país e da cultura não está nada favorável. Preciso pagar as contas enquanto não posso trabalhar e oferecer minha arte para o público que sempre gostou do meu trabalho. Idoso neste país não tem sossego”.



PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.