Personal que pegou mulher com morador de rua revela que esposa está em tratamento e choca ao contar os detalhes: “Não para de falar nele”

Um dos casos mais comentados da internet na última semana, é do personal que pegou sua mulher com outro homem dentro do carro dela mesmo. O homem em questão era um morador de rua, que acabou sendo surpreendido com uma cantada da esposa de Eduardo, revoltado o homem acabou agredindo o sem teto e o caso viralizou.

A história que virou caso de polícia, acabou rendendo memes e brincadeiras nas redes sociais, ainda mais depois que ambos os envolvidos chegaram a contar os fatos de como tudo aconteceu, no entanto, o vídeo do mendigo relatando sua breve história de amor com Sandra, virou um dos mais clicados nas redes sociais.

O morador de rua que acabou ganhando fama nacional, viu sua história se espalhar para todos os lados e chocou a todos. Agora o marido de Sandra, ou melhor dizendo, ex-marido de Sandra, chegou a contar que colocou a jovem de 31 anos em uma clínica de tratamento. Eduardo, vale lembrar, revelou que a esposa tinha problemas psicológicos.


Sandra contou que havia visto o rosto de Deus no mendigo e por conta disso, acabou fazendo o que fez. O relato dela gerou polêmica e deu mais destaque ao caso que gerou revolta em milhares de brasileiros. 

"Eu estou tentando não comentar sobre o assunto, pois ela está em tratamento e de repente alguma informação que eu passe pode prejudicar o tratamento dela porque ela vai ficar a par de tudo o que está acontecendo. Por enquanto, ela está afastada da TV e internet", contou Eduardo sobre o tratamento de Sandra.

Enquanto a polícia investiga o caso, o personal afirmou que está evitando comentar sobre o caso, para não se ferir em não ferir as pessoas da família, ele no entanto, segue afirmando que a esposa não teve culpa de nada e que não tem nada do que reclamar de Sandra, para Eduardo ela é uma ótima pessoa. Eduardo relatou ainda que as pessoas não para de falar nele e isso o deixa magoado, pois essa história com o mendigo, ao menos para ele já teve um fim.



PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.