Polícia descobre o que aconteceu com crianças e avó que sumiram sem deixar rastros e detalhes impressionam: “Passando fome”

O caso das crianças e da avó que sumiram sem deixar rastros, virou um dos mais marcantes de todos os tempos e o mistério que vinha assustando moradores da cidade de Anápolis, em Goiás, acaba de ganhar um desfecho surreal. A história que comoveu e parou o país virou uma das mais comentadas de todos os tempos na web.

Segundo informações o caso chegou ao fim depois de 7 dias. Isabella Silva Fernandes, de 11 anos, e Júlia Silva Fernandes, de 6 anos haviam sumido junto com a ente querida e quem deu falta foi a mãe das pequenas.

De acordo com informações a avó das crianças já havia desaparecido no ano passado, depois que se viu vítima de uma crise de ansiedade e depressão e por conta disso, todos ajudavam a olhar  a senhora de idade. Depois de alguns dias de buscas as autoridades encontraram as 3 e a história teve um belo desfecho.


Elas foram encontradas com fome e sede, porém não apresentavam nenhum tipo de ferimento. A revelação animou os internautas e os moradores da região fazendo com que a história se tornasse viral. O sumiço delas acabou por levantar diversas suspeitas e deixou um ar de suspense no ar, pois elas sumiram em um breve período de tempo.

Já que a mãe das meninas estava com elas, minutos antes de tudo acontecer. As crianças e a avó foram encontradas em um local no meio do mato, próximo a um córrego.

Wesley Da Cunha, foi quem encontrou as crianças a avó desaparecidas, e ele falou como estava a avó no momento do encontro. “A avó estava sem condições de conversar, mal conseguia andar. As crianças só choravam e pediam comida”.

As 3 foram levadas para uma unidade de saúde, onde estão recebendo tratamento e comida para que possam voltar logo para a casa. O delegado que comandou o caso, se mostrou contente com o resultado e ficou grato por todas estarem bem.



PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.