Revelado laudo do estado mental da mulher que foi flagrada com morador de rua e detalhe deixa todos assustados

O Brasil inteiro acompanhou o caso do morador de rua que foi espancado pelo personal Eduardo, logo depois que ele foi pego no flagra em cima da mulher do profissional. O caso tomou grande proporção e virou um dos mais comentados na internet e chegou a virar motivo de piadas e brincadeiras com os envolvidos.

Givaldo Alves de Souza, ganhou fama de 'estrela' nas redes sociais e está em alta até o momento, ainda mais depois que ele cedeu uma entrevista contando como conheceu a esposa de Eduardo. Sandra que chegou a ser taxada de 'louca' pelo marido, teve que ser internada em uma clínica para se tratar.

Agora depois de toda a confusão, o relatório do estado mental da mulher foi divulgado e os detalhes chocaram os internautas de plantão que seguem o caso. Em um certo trecho do documento revelado por especialistas, dizia que: “comportamentos inadequados, gastos excessivos, falso reconhecimento, doação de pertences, resistência em se vestir”.


O laudo apontou que Sandra sofre de transtorno de bipolaridade, que nada mais é quando uma pessoa muda seu jeito de forma repentina e pode apresentar sinais destrutivos muitas das vezes. A notícia caiu como uma bomba e rendeu assunto, tendo em vista que a mesma relatou ter visto Deus no rosto do morador de rua.

Sandra foi a única dos 3 envolvidos que não se pronunciou, seu marido chegou a relatar que não culpa a esposa de nada e falou que ela tem alguns problemas psicológicos e  por conta disso acredita que o morador de rua abusou dela sim. O pai de Sandra é outro que é contra Givaldo Alves de Souza.

Ele foi até a delegacia e abriu uma queixa contra o sem teto esta semana. O caso que aconteceu em Brasília, na cidade de Planaltina, virou um dos mais falados no Twitter, onde dezenas de vídeos foram divulgados.



PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.