Vaza foto de Flordelis na cadeia e modo como ela está vivendo abala o país: “Inacreditável”

A ex-deputada e pastora evangélica, Flordelis dos Santos Souza, atualmente com 59 anos de idade, foi presa pela 3ª Vara Criminal de Niterói, sendo locomovida até a Polícia Civil após ser acusada de ser a mandante no assassinato de seu próprio marido, o pastor Anderson do Carmo, no ano de 2019.

Nos últimos dias, fotos vazadas de como a ex-deputada se encontra neste momento acabaram gerando uma enorme repercussão nas redes sociais. A imagem acabou chocando os internautas, sendo possível ver o estado abatido que a pastora se encontra dentro da prisão.

+  BBB22: Após ser indicado ao Paredão, Luciano bate-boca com Tiago Abravanel e Pedro Scooby e leva invertida do surfista; "Fica quieto e deixa eu falar"

Antes de ser detida pelas autoridades policiais, Flordelis decidiu ir até sua conta oficial nas redes sociais para publicar um vídeo, onde comunicava sobre sua prisão para os milhares de fãs e seguidores que possui, aproveitando para pedir orações e afirmando que é inocente no caso que está sendo acusada.


“Olá gente, chegou o dia que ninguém desejaria chegar. Estou indo presa por algo que eu não fiz, por algo que eu não pratiquei. Eu não sei por que, mas estou indo com força e com a força de vocês. Orem por mim. Orem, orem. Uma corrente de oração na internet. Busquem a Deus, está bom? Um beijo, amo vocês”.

+  Alok dedica música com Juliette aos Cactos durante festa do "BBB 22" e chama atenção

O Ministério Público (MP), decidiu esclarecer sobre o caso em questão:

“a situação jurídica da ré deve ser revista, para sanar a desproporcionalidade que havia entre as medidas cautelares impostas e os fatos imputados e as condutas que a ré praticou para interferir na instrução e se furtar no momento da aplicação da lei penal”, informou.

“orientou os demais corréus para que o celular da vítima fosse localizado e suas mensagens comprometedoras fossem apagadas, bem como que fossem queimadas as roupas com possíveis vestígios forenses”. Ainda de acordo com as informações do MP do Rio de Janeiro, Flordelis “também providenciou treinamento a réus e testemunhas que foram intimadas para prestarem depoimento em sede policial, solicitando que testemunhas mentissem à polícia e alterassem versões já fornecidas, assim como, por repetidas vezes, descumpriu a medida cautelar de monitoramento eletrônico”.

+  BBB 22: Após ser excluída durante o Jogo da Discórdia, Linn da Quebrada cai no choro e internautas não perdoam brothers; "Eles vão me pagar"

https://twitter.com/noticiameireles/status/1433059473610903558/photo/1



PRÓXIMO ARTIGO →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.